06 jan 2012 @ 7:16 PM 


O Tribunal de Justiça de São Paulo está investigando 29 desembargadores pelo suposto recebimento privilegiado de verbas de auxílio-moradia entre 2006 e 2010.

As principais suspeitas recaem sobre quatro magistrados que receberam pagamentos entre R$ 400 mil e mais de R$ 1 milhão no período.

Os outros 25 desembargadores alvo da apuração tiveram recebimentos fora do padrão da corte, mas os valores desembolsados ficaram abaixo de R$ 400 mil e ainda não há indícios de irregularidades graves nesses casos.

More »

Posted By: TFSN
Last Edit: 06 jan 2012 @ 07:45 PM

EmailPermalinkComments (1)
Tags
 05 jan 2012 @ 7:52 PM 


O presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Ivan Sartori, esteve ontem (4) em visita protocolar no Palácio dos Bandeirantes. No dia de hoje (5), o presidente do TJSP, também em visita protocolar, foi recebido no Palácio 9 de Julho.

No Palácio dos Bandeirantes, no início da noite de ontem, Ivan Sartori, acompanhado do juiz assessor da Presidência Guilherme de Macedo Soares, foi recebido pelo governador Geraldo Alckmin, pelo secretário da Casa Civil, Sidney Beraldo, e pelo secretário particular do governador, Castello Branco.

Na manhã de hoje, na Assembleia Legislativa, o presidente Ivan Sartori e o desembargador Ricardo Mair Anafe, acompanhados do juiz assessor da Presidência Guilherme de Macedo Soares, foram recebidos pelo presidente da AL, deputado Barros Munhoz e pelo chefe de gabinete, Candido Spinola Alvarenga Júnior.

More »

 02 jan 2012 @ 7:16 PM 

“Aos 54 anos de idade e 30 de experiência na magistratura, o desembargador Ivan Sartori tomou posse como presidente do presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo na tarde desta segunda-feira (2/1). Ao transmitir o cargo a Sartori, o presidente do tribunal, José Roberto Bedran disse que cumpria “o honroso dever de, numa democrática eleição, transmitir o exercício dessa espinhosa missão, que é dirigir o maior tribunal do país. Tenho certeza de que dirigirá este tribunal com o brilhantismo que lhe é peculiar”.

Depois de assinar o livro de posse, já falando como presidente do TJ-SP, Sartori disse que o maior tribunal do mundo não acompanhou o crescimento do estado e, consequentemente, da demanda judicial. Segundo ele, seus planos de gestão podem não “resolver os problemas do tribunal, pois dois anos é pouco para os muitos desafios que vêm pela frente, pelo mesnos vão minimizar as dificuldades enfrentadas pelo TJ”.

Sartori enfatizou sua preocupação com a situação de juízes de primeira instância. “Há juízes trabalhando em meio a escombros e sem assessores. Há Varas com apenas um funcionário. Já estou conversando com os poderes Executivo e Legislativo para que juntos possamos melhorar esse quadro, inclusive por meio da aprovação de projetos de lei que tramitam na Assembléia Legislativa“, afirmou.

More »

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 Last 50 Posts
 Back
Change Theme...
  • Users » 38547
  • Posts/Pages » 9,199
  • Comments » 12,596
Change Theme...
  • VoidVoid « Default
  • LifeLife
  • EarthEarth
  • WindWind
  • WaterWater
  • FireFire
  • LightLight

Links



    No Child Pages.

Política



    No Child Pages.

Contatos



    No Child Pages.